quinta-feira, 9 de dezembro de 2010

Só enquanto eu respirar, vou me lembrar de você...


Por muito tempo, tentei ignorar o que sentia, pensando que ora ou outra isso passaria... Acreditei que aquilo não era amor de minha parte, mas apenas amizade. Enganei-me. Lutei com todas as forças para não demonstrar o que guardava em meu peito. Ansiei por lhe contar o que eu nutria aqui dentro, mas ainda assim, fui cruel. Não me permiti cometer tal atrocidade com tamanha rapidez. Puni-me dia após dia por desconfiar de meus mais puros sentimentos por você. Maltratei-me até o último segundo, até que explodi. Aos poucos, dei indiretas para você entender o que eu já não conseguia mais esconder. E para ter certeza de que minha subjetividade havia sido compreendida devidamente, contei-lhe tudo. Fui o mais sincera possível. E você nem se importou com a minha declaração. Continuei sendo aquela garota invisível, aquela que você não notava...

Obviamente, isso magoou-me... e MUITO! A partir de então, passei a censurar-me cada vez que minha mente ia de encontro a sua imagem. Torturei-me até não me sentir forte o suficiente para evitar suas aparições repentinas em meus sonhos. Criei buracos profundos em meu coração até o dia de hoje. O dia em que resolvi assumir ao invés de maltratar-me ainda mais. Talvez assim seja melhor. Sei que um dia esquecerei que você existiu, que fez parte da minha vida. Mas por hoje... Bem, amo-te e ponto final.

Por: Lílian da Silva Braz

11 comentários:

Débora Anzolin Valginhak disse...

Aii que bonito!! Antigamente eu também escrevia poemas... Repletos de amor, desilusão, paixão, medo... As vezes tenho vontade voltar a escrever!
Amei seu blog e obrigada pela visita!

Beatriz disse...

Oi! Estou deixando meu blog meio de lado, rsrs.. Tem coisas mais legais pra fazer agora que estou de férias né! Bjus :*

ταyиα disse...

Oiiii
td bem?
ah passei sim em 3 lugar
mas só vou fazer ano que vem, vou esperar terminar meu curso primeiro
rsrs
Tambem adoro clima de Natal
bjinhoOO

Amandinha disse...

Oii srsr Obrigada pela força graças a Deus primeiramente e pela força de vcs eu fui bme na prova rsrsrs Obrigada, eu ameii o seu blog é super liindo pega o meu award!

Nayara disse...

é muito difícil quando gostamos de alguém e tentamos esconder isso, parece que os sentimento quer pular pra fora quando vemos a pessoa que amamos, queremos dizer o que sentimos, mas temos medo da rejeição. Mas pior que isso é quando dizemos o que sentimos e a pessoa nos rejeita, não sente o mesmo por nós, e o que fazer depois disso? nada, a não ser esperar o sentimento acabar...

Adorei o blog, estou seguindo ;*

.bárbara disse...

lindo blog, e me vi nas linhas de cada frase sua...

atualmente eu já estou com o coração cheio de buracos..pensando se vou enterrar meus sentimentos o mais fundo possível.

mas veremos.
obrigada pela visita.

:**

Mari disse...

adorei seu blog! parabéns.
hum... vamos dizer que eu sei muito bem como vc está se sentindo recentemente....

bjos

Rafa disse...

Oiii Lika Band...Nossa, mtooo lindo o q vc escreve!!! Adorei!!! Certos amores demoram pra passar, outros naum passam nunca e alguns passam tão rápido q até parece q nunca aconteceu (pelo menos de acordo com as minhas experiências)!
Adorei seu blog e mtooo obrigada pela visita lá no meu.
Bjossssssss

Debbys disse...

sentimento horrível quando o amor não é correspondido, mas podemos nos surpreender com o futuro.. xD
bjusss

Daninha disse...

O Teatro Mágico eles são demais, esse trecho da música deles o anjo mais velho é linda.
Agora falando sobre seu texto, realmente amar e não ser amada é muito ruim, mas o mundo da voltas, e um dia achamos alguém que corresponda ao nosso amor.
Bonito texto.
Beijos

Lila Czar disse...

Nossa, quanto amor, hein?
Lila Czar
http://seviracom30.blogspot.com

Postar um comentário

Deixem suas contribuições =) Qualquer recado é bem vindo. Seja sobre o post, seja uma resposta ao meu comentário.